bitcoin trader program understanding bitcoin investing crypto exchange explained coinbase crypto arbitrage platform crypto investor summit Skip to content

Proporcionar espaço para o conhecimento acadêmico, científico e tecnológico, com uma abordagem inovadora e adaptável às novas descobertas da medicina, sensíveis à realidade social da região, com impacto construtivo na solução de problemas de saúde no meio ambiente.

A ULDV busca promover os ideais nobres, os hábitos de solidariedade, o respeito e a consideração pelos pares, a sensibilidade social, a fé sincera e a esperança sincera. Nesse contexto, propõe a todos os membros os valores fundamentais para uma convivência saudável e lúcida:

Compromisso com a verdade, pelo estudo e pela atitude de uma busca constante por meio da pesquisa, do desenvolvimento da criatividade e da análise crítica da realidade.
Compromisso de profunda experiência de Amor ao Próximo, manifestada no relacionamento interpessoal; no diálogo como instrumento de entendimento mútuo e superação de dificuldades; em sinceridade e simplicidade em agir; na prioridade do bem comum sobre os interesses individuais; no desenvolvimento do espírito de solidariedade e cooperação, em vez de competição; na sensibilidade às necessidades do outro e na disponibilidade para servir.
Compromisso de respeitar os ideais daqueles que, abertos ao transcendente, mas envolvidos com as realidades terrenas, estão cientes, no entanto, de que não possuem neste mundo púrpura permanente e devem viver como peregrinos de fé em um estágio transitório de plenitude. realização humana, iluminada pela visão de esperança na vida futura.
Compromisso com a carreira de Medicina para a promoção da cultura e o desenvolvimento integral da pessoa, a fim de alcançar liderança, serviço, profissionalismo, cidadania e justiça. Nesse sentido, são considerados os seguintes valores:
A vocação (mencionada como altruísmo) que implica, por um lado, dos profissionais, a preeminência do papel social de sua função sobre o benefício econômico e, por outro lado, da sociedade, implica o reconhecimento do valor da profissão.
Disciplina como subordinação e interesses aos regulamentos estabelecidos pelo coletivo.
A competição, que inclui o componente de conhecimento, o componente de habilidades e o componente de atitude nos relacionamentos interpessoais.
O Compromisso Profissional, ao fornecer assistência altamente qualificada ao paciente, para se preocupar com a saúde da comunidade e gerenciar com eficiência os recursos de saúde.

Os objetivos específicos do diploma médico estabelecido são os seguintes:

  • Desenvolver um programa curricular orientado para as competências profissionais gerais, com ênfase na atenção primária à saúde, com base em um processo metodológico ativo e participativo que permita auto-treinamento permanente, trabalho em equipe e liderança.
  • Promover no aluno a aquisição, construção e reconstrução de conhecimentos, de modo a garantir os fundamentos teóricos necessários à prática científica da medicina.
  • Desenvolver no aluno as competências médicas por meio de simulação clínica, expandindo a experiência que os alunos têm com os pacientes por meio de experiências guiadas simuladas, que evocam situações reais, que favorecem a integração teórico-prática necessária ao treinamento e desenvolvimento de múltiplos elementos que compõem essas competências, tais como: habilidades e habilidades (comunicativas, instrumentais e profissionais).
  • Promover no aluno a criatividade no campo da pesquisa e tecnologia biomédica, por meio do entendimento e uso da metodologia científica, do desenvolvimento da capacidade de reflexão e da aquisição de habilidades que contribuam para o conhecimento científico e a busca por soluções
  • Desenvolver e promover na reflexão do aluno, atitude crítica, pensamento criativo para o treinamento em ética e valores que harmonizem suas relações com pacientes, colegas e pessoas relacionadas ao seu desempenho profissional e cidadão.
  • Favorecer a formação integral do aluno por meio de trabalho interdisciplinar com outras áreas do conhecimento, aproveitando suas aptidões e interesses para fortalecer o espírito institucional da Universidade Leonardo Da Vinci.
  • Incentivar no aluno o sentimento de pertença, responsabilidade e respeito pela Universidade, seus níveis e sociedade, o que o torna capaz de conviver e se enriquecer com as diferenças de ideologia, gênero, cultura e raça.
  • Treinar o aluno nos diferentes aspectos científicos, linguísticos, técnicos e culturais, com vistas ao desempenho eficiente e humanitário da sociedade.
  • Fornecer ao aluno os elementos necessários para entender a realidade política e social do país, com ênfase no quadro jurídico da saúde e educação.
  • Informar aos alunos durante a corrida a possibilidade de vincular no futuro os estudos de pós-graduação, de acordo com suas necessidades e motivações.

A admissão ao curso de Medicina estará sujeita a um processo de Seleção e Admissão, cujos períodos, valores, termos e modalidades específicos serão estabelecidos no Projeto de Admissão e implementados pelo Conselho Acadêmico da Subsidiária, com a aprovação prévia da Faculdade de Ciências. Saúde – ULDV e Vice-Reitoria de Graduação.

Além disso, o regime de admissão estabelecido para acesso à carreira é regido pelas disposições estipuladas pelo Conselho Universitário Superior da ULDV, que exige:

  • Ter um diploma de bacharel ou outro equivalente, no Paraguai ou em outro país, avaliado pela graduação, levando em consideração os Acordos Acadêmicos existentes entre os países e / ou os Programas e Planos de Estudo da respectiva Instituição, expostos através de Certificados de Estudos e títulos legalizados e vistos que o Conselho Superior Universitário considera suficientemente válidos.
  • Solicite a admissão ao grau médico comprometendo-se a respeitar os Estatutos, Regulamentos e disposições emanados da Carreira, da Faculdade e da Universidade.
  • Envie os documentos necessários:

Para estudantes paraguaios:

  • 3 (três) cópias do Bilhete de Identidade Civil, autenticadas em cartório.
  • 3 (três) fotografias do tipo passaporte, tamanho 3 × 4.
  • 1 (uma) cópia original da Certidão de Nascimento.
  • 1 (uma) cópia original do Certificado de Estudos do Ensino Médio endossado e legalizado pelo Ministério da Educação e Ciências.
  • 1 (uma) cópia do diploma de bacharel autenticado em cartório.
  • 1 (uma) cópia do comprovante de pagamento da mensalidade.

Para estudantes estrangeiros:

  • 3 (três) cópias do Documento de Identidade (RG, DNI) autenticado pelo escrivão paraguaio.
  • 3 (três) cópias da atual admissão temporária ou permanente autenticada pelo notário paraguaio.
  • 3 (três) fotografias do tipo passaporte, tamanho 3 × 4.
  • 1 (uma) cópia original da Certidão de Nascimento e 1 (uma) cópia autenticada pelo notário paraguaio.
  • 1 (uma) cópia original do Certificado de Estudos do Ensino Secundário, com certificação de assinatura endossada pelo Consulado, Legalizada pelo Ministério das Relações Exteriores e Ministério da Educação e Ciências com tradução e 1 (uma) cópia autenticada pelo escrivão paraguaio.
  • 1 (uma) cópia do diploma de bacharel autenticado em cartório.
  • 1 (uma) cópia do comprovante de pagamento da mensalidade.
  • Credenciar os exames de conhecimento, por meio de um curso pró-terapêutico e teste psicotécnico que a Carreira aplicará aos candidatos à carreira em Medicina.
  • Ter tempo integral para estudar medicina.
  • Cumprir os requisitos administrativos e econômicos estabelecidos pelo Conselho de Administração da Universidade.

A pós-graduação da carreira em Medicina:

  • Ele é um profissional médico com um conhecimento sólido, estruturado e integrado de ciências básicas, pré-clínicas, clínicas e complementares.
  • Ele consegue exercer liderança em sua prática profissional de maneira responsável e autocrítica, tanto individualmente quanto em equipe, mantendo excelente comunicação interpessoal, comportamento e atitude com base em princípios éticos.
  • Aplica e integra seu conhecimento profissional na resolução de problemas que afetam o indivíduo, a família, a comunidade e o meio ambiente, com responsabilidade social e conscientização, em benefício da equidade e da solidariedade, sem qualquer discriminação.
  • Participa do planejamento, coordenação e execução de programas de promoção e prevenção à saúde, diagnóstico, tratamento e reabilitação da doença, de acordo com as políticas públicas de saúde, mediante o adequado encaminhamento de grupos interdisciplinares e o uso racional de recursos , avaliando criticamente seu impacto na sociedade.
  • Aplica os fundamentos da pesquisa e o método científico em seu trabalho profissional, contribuindo para a geração de novos conhecimentos para a solução de problemas.
  • Refletir sistematicamente sobre suas práticas com uma perspectiva de melhoria e inovação contínuas.
  • Identifique e aprenda a usar os avanços e inovações científicas, reconhecendo suas limitações de conhecimento e usando suas habilidades de pesquisa e análise de informações para superá-las, através do uso de novas tecnologias de informação e comunicação e o uso de um segundo idioma.
  • Compreender as necessidades de saúde de grupos de pessoas e as condições de vida e saúde das comunidades com base em dados demográficos, epidemiológicos, étnico-raciais, de saúde e ambientais, considerando risco, vulnerabilidade, direitos humanos, incidência e prevalência de condições saúde, bem como outros determinantes sociais, culturais, comportamentais, psicológicos, ecológicos, éticos e legais do processo saúde-doença.
  • Consegue promover oportunidades para comunidades localizadas em áreas de fronteira, com uma abordagem de território social, com uma perspectiva integral e integradora que permite influenciar os determinantes sociais da saúde da população, fortalecendo e consolidando os principais processos sociais: educação e trabalho.

ENSINO SUPERIOR NO PARAGUAI

PERGUNTAS FREQUENTES

Se você é um estudante estrangeiro e está estudando em uma universidade no Paraguai, é importante estar bem informado sobre como funciona o sistema educacional paraguaio.

Aqui, esclarecemos algumas perguntas frequentes:

 

HABILITAÇÃO DE CARREIRAS

O que é HABILITAÇÃO DE CARREIRAS?

É o ato administrativo pelo qual o órgão responsável, que é o Conselho Nacional de Ensino Superior (CONES), aprova formalmente uma proposta acadêmica a ser oferecida aos alunos. Essa é a medida que confere LEGALIDADE a uma carreira.

Como posso saber se minha carreira está HABILITADA pelo CONES?

Você deve verificar ligando para o Conselho Nacional de Ensino Superior (CONES) para se certificar de que a carreira que você escolheu tem a autorização correspondente ou em qualquer caso quando você estiver na Universidade que você escolheu, deve solicitar a autorização legal do CONES da sua carreira.
 
 

ACREDITAÇÃO DE CARREIRA

O que é ACREDITAÇÃO DE CARREIRA?

É o ato pelo qual a ANEAES (Agência Nacional de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior) certifica a qualidade acadêmica das instituições de ensino superior, suas carreiras e programas, sua organização, seu funcionamento e o cumprimento de sua função social.

Além disso, dá ao curso o reconhecimento formal de sua capacidade técnica e confiabilidade para a execução desses serviços. Somente carreiras qualificadas com promoção de graduados podem ser credenciadas.

Uma carreira em PROCESSO DE ACREDITAÇÃO  sem graduados pode emitir DIPLOMAS?

  • Sim, a carreira autorizada pelo CONES (em processo de credenciamento ou não credenciada) funciona legalmente e os cursos são VÁLIDOS.
  • O Diploma pode ser emitido uma vez que o aluno conclui o curso.
  • Nao existe nenhum impecilio, nem necessidade de esperar turma formada, nesse sentido o regulamento no Paraguai nao seria o memo que o do MEC Brasil.

Quantos anos dura a ACREDITAÇÃO de uma carreira?

Uma vez obtido o reconhecimento, ele dura 05 anos.

No final deste período de tempo, todo o processo deve começar novamente.

Quais são as etapas para obter a ACREDITAÇÃO?

  • Processo de autoavaliação interna, que deve ser concluído com um plano de melhorias;
  • Processo de avaliação externa, que deve validar o relatório de autoavaliação, julgar o cumprimento das metas e objetivos, dos critérios mínimos previamente estabelecidos, e emitir informações sobre a viabilidade e relevância do plano de melhoria;
  • Parecer emitido pela ANEAES, que aceita a avaliação e a relevância do plano de melhoria e emite ou não o Parecer de Acreditação.

Como posso saber se meu diploma está em processo de ACREDITAÇÃO ou ACREDITADO?

Você pode solicitar em sua Instituição o registro da Carreira na Aneaes para o processo de autoavaliação ou avaliação externa.

Para que serve a ACREDITAÇÃO?

  • Promover a excelência nas instituições de Ensino Superior.
  • Garantir uma sociedade que oferece um serviço educativo de qualidade.
  • “Acesso a fundos públicos e bolsas do Estado, bem como a concursos, prestação de serviços ao Estado”. Lei nº 4.995 / 2013 do Ensino Superior, Título VI, da Agência Nacional de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior (ANEAES), artigo 82.º, n.
  • Solicitar financiamento para Programas Acadêmicos de Pós-Graduação, conforme estabelecido pelo CONACYT.

Experiências de nossos alunos

    O teu sonho

    É O NOSSO!


    ¿Nos comunicamos por whatsapp?

    PIETRA Representações LTDA CNPJ: 04.383.628/0001-74 - 2021 Todos os direitos reservados